A PRODUÇÃO AGRÍCOLA É IMPORTANTE PARA A SEGURANÇA ALIMENTAR

2022-06-01T07:00:00.0000000Z

2022-06-01T07:00:00.0000000Z

Media Nova

https://mediaquiosque.pressreader.com/article/281728388185826

ENTREVISTA

Falemos de Angola. “A agricultura é a base, a indústria é o factor decisivo”. Quer comentar? A importância da agricultura é, assim, indiscutível, pois é a partir dela que se produzem os alimentos e os produtos primários utilizados pelas indústrias, pelo comércio e pelo sector de serviços, tornando-se a base para a manutenção da economia mundial. A agricultura contribui para o desenvolvimento de muitas formas. A agricultura contribui para o desenvolvimento como actividade económica, como subsistência e como fornecedor de serviços ambientais, tornando o sector um instrumento singular para o desenvolvimento. Como actividade económica, a agricultura pode ser uma fonte de crescimento para a economia nacional, um fornecedor de oportunidades de investimento para o sector privado e um importante impulsinador de indústrias relacionadas com a agricultura e com a economia rural não-agrícola. Dois terços do valor agregado agrícola do mundo são criados nos países em desenvolvimento. Nos países baseados na agricultura, gera uma média de 29% do produto interno bruto (PIB) e emprega 65% da força de trabalho. E como a indústria fica nesta ‘fotografia’? As indústrias e serviços vinculados à agricultura nas cadeias de valor representam frequentemente mais de 30% do PIB nos países em transformação e urbanizados. A produção agrícola é importante para a segurança alimentar porque é a fonte de renda da maioria das pessoas de baixa renda da zona rural. É especialmente crítica em mais de uma dezena de países da África Subsaariana, com uma população combinada de cerca de 200 milhões de habitantes, com uma produção doméstica altamente variável, uma comerciabilidade limitada para os alimentos básicos e restrições na disponibilidade de divisas para o atendimento de suas necessidades alimentares por meio das importações. Esses países estão expostos a emergências alimentares recorrentes e às incertezas da ajuda alimentar. Para eles, o aumento e a estabilização da produção doméstica é essencial para a segurança alimentar. A agricultura é mesmo a base, certo? A agricultura é uma fonte de sobrevivência para cerca de 80% dos habitantes da zona rural e proporciona emprego a pequenos agricultores, por isso, ela (agricultura) pode ser a fonte principal de crescimento para os países baseados na agricultura, além de poder reduzir a pobreza e melhorar o meio ambiente. Isso requer melhorar a posição dos activos das pessoas de baixa renda da zona rural, tornando a agricultura em pequena escala mais competitiva e sustentável, diversificando as fontes de renda para o mercado de trabalho e para a economia rural não-agrícola, bem como facilitando a emigração bem-sucedida da agricultura.

pt-ao